População do Zaire abandonada: ponte corta circulação entre Tomboco e Mbanza Kongo

A circulação rodoviária entre o município do Tomboco e Mbanza Kongo, no Zaire, pode ser interrompida a qualquer momento, devido ao rompimento de uma passagem hidráulica, na noite de quarta-feira.

O rompimento deu-se entre os bairros Wene e Mussenga, a cerca de 23 quilómetros da sede municipal do Tomboco, e foi causado pela chuva que caiu na quarta-feira. 

Mais de 60 camiões trailers, em ambos sentidos, só seguiram viagem após uma intervenção paliativa com pedras e areia na berma direita, sentido Nzeto-Tomboco.

A destruição parcial da Estrada Nacional 210, particularmente a faixa descendente, a única via que liga a capital Mbanza Kongo (Zaire) a Luanda está condicionar a circulação normal de viaturas.

Pela gravidade da situação, o governador Adriano Mendes de Carvalho deslocou-se ao local e caracterizou como complicado o quadro encontrado, tendo garantido uma intervenção urgente por parte de uma empreiteira para estancar o rompimento da estrada.

“Como se vê não é uma situação fácil. Já estivemos, ontem, no Nóqui, onde verificamos algumas residências afectadas pela subida do caudal do rio Zaire, agora, aqui no Tomboco, esta passagem hidráulica que se rompeu. Já contactei o senhor ministro das Obras Públicas, Carlos Santos e o director do Instituto Nacional de Estradas de Angola (INEA) que orientaram a intervenção urgente de uma empreiteira.”

Acrescentou, ainda, que “o quadro é dramático, está chover com muita frequência e se continuar assim, vamos ter esta via completamente cortada. Precisamos de meios e máquinas para que os engenheiros possam fazer o seu trabalho”.

What’s your Reaction?
+1
0
+1
0
+1
0
+1
0
+1
0
+1
0
4 1 vote
Classificação da Postagem
guest

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Top
WP Radio
WP Radio
OFFLINE LIVE
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x