Detido professor que dava comida expirada aos alunos na merenda escolar

O Serviço de Investigação Criminal no Uíge (SIC), deteve, nesta quarta-feira, um professor do Liceu da vila de Maquela do Zombo por distribuir merenda escolar com data de validade expirada aos alunos das 5ª e 6ª classes.

O professor foi deteve após o SIC receber uma denúncia anónima, sobre a situação que estava a decorrer na instituição. Os produtos expiraram nos meses de Janeiro e Fevereiro, e começaram a ser distribuídos no princípio deste mês, mas, apesar disso, as autoridades asseguram que “ainda não houve registo de alguma criança que tenha tido problemas de saúde”.

Segundo o porta-voz do gabinete de comunicação institucional e imprensa do SIC-Uíge, Zacarias Bernardo, o professor detido era o responsável pela alimentação dos alunos e sabia que os produtos estavam expirados, colocando em risco a sua saúde.

Por outro lado, presume que a direcção da escola, bem como a empresa fornecedora estejam, envolvidas no esquema. Zacarias Bernardo avança que investigações já estão em curso para se apurar a verdade.

O professor, de 34 anos, será presente ao juiz de garantia e vai responder pelo crime de adulteração de substâncias alimentares. Durante a operação foram apreendidas 96 caixas de sumo e 10 caixas de bolachas que se encontravam no armazém da escola.

What’s your Reaction?
+1
0
+1
0
+1
0
+1
0
+1
0
+1
0
0 0 votes
Classificação da Postagem
guest

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Top
WP Radio
WP Radio
OFFLINE LIVE
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x